Gabi: desde 1948 escrevendo uma história de amor

CE Gabriel Ferreira, fundado em 1948

Gabi: desde 10 de agosto de 1948 trabalhando pela Doutrina Espírita.

O Centro Espírita Gabriel Ferreira foi uma das primeiras instituições espíritas a se instalarem na zona norte da capital paulista – ainda na primeira metade do século 20. Saiba mais sobre essa trajetória tão bonita, marcada por amizade, respeito à Codificação e acolhimento.

Centro Espírita Gabriel Ferreira: como tudo começou

Aparecida Faria, foi uma corajosa mulher que, ao lado de amigos, fundou o Centro Espírita Gabriel Ferreira.

Muito jovem, veio do Rio de Janeiro com a família para o interior paulista. Ali teve um sério problema de saúde que levou a buscar ajuda em uma Casa Espírita da região. Com o tempo, Aparecida Faria passou a frequentar e trabalhar na instituição.

Após mudar-se para São Paulo, junto com amigos, ela fundou o Centro Espírita Gabriel Ferreira – nome escolhido para homenagear um dos seus mentores. Era o dia 10 de agosto de 1948!

 

CE Gabriel Ferreira e suas atividades

As primeiras atividades do Gabi foram reuniões mediúnicas e públicas, com exposição de temas espíritas. Também havia distribuição de cestas básicas e outras ações de origem assistencial.

Ao longo de todos esses anos o Gabi ofereceu serviços de berçário, curso de datilografia, distribuição de alimentos e muitas outras atividades que, em função de vários fatores, foram substituídas por outras ações.

Reuniões doutrinárias para o público em geral surgiram em dias e horários diferentes, assim como grupos de estudo para crianças, jovens e adultos.

Novas atividades mediúnicas foram criadas, bem como cursos de artesanato, bazar beneficente, grupo de dança, sempre visando um atendimento mais adequado ao nosso público.

Também foi criado um espaço para preservação da memória – chamado de Galeria Espírita Vasículo Gomes -, o Cine Gabi (exibição de filmes e posterior discussão à luz do Espiritismo) e o Clube de Leitura, destinado a análise crítica de obras espíritas.

O Centro Espírita Gabriel Ferreira e seu público

Ao longo dessas várias décadas, muitas pessoas passaram pelo nosso Centro Espírita Gabriel Ferreira. Algumas ficaram pouco tempo, outras permaneceram.

Houve aquelas que só observaram e outras que colaboraram com a semeadura.

O fato é que prosseguimos firmes rumo ao futuro, conscientes de que nosso papel é manter o respeito à base doutrinária, promovendo seu estudo e sua divulgação.

 

Como podemos notar, o Centro Espírita Gabriel Ferreira é uma instituição que leva a sério o trabalho de estudar e respeitar a Codificação. Sempre acolhendo com amor e respeito todas as pessoas que chegam até nós e abrindo espaços para a construção coletiva do Gabi.

Por isso, deixamos aqui nossos parabéns a todos que colaboraram e/ou colaboram para sua existência. E se você quiser fazer parte dessa bela história de amor, é simples: basta chegar porque, certamente, vai se sentir em casa!

 

Deixe uma resposta